O que outubro significa?

em

Não é mais segredo pra ninguém que o décimo mês do ano foi definido como “outubro rosa”. E esse não é o único mês colorido: setembro amarelo e novembro azul estão aí para provar que as cores estão cada vez mais presentes no calendário.

Reportagens na televisão e campanhas publicitárias tomam conta de jornais e revistas de acordo com a cor do mês. Em outubro, o mais simbólico é a iluminação rosa de alguns prédios e monumentos. Mas o que outubro rosa significa, de fato?

Além das propagandas e das luzes, a importância deste mês vai muito além do simbólico. Outubro não deve ser conhecido como rosa apenas para midiatização. Ele é mais do que um mês e do que uma cor.

Estes 31 dias são, acima de tudo, um alerta, uma memorização, uma sobrevida às cerca de 57.960 mulheres que podem sofrer com novos casos de câncer de mama apenas em 2016, segundo dados do Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA). São também milhares de famílias, que igualmente vítimas da doença, entrarão em ciclos de batalhas em busca da cura. É um mês e uma cor para todos.

Fatores e como prevenir

Não é que o câncer de mama possa ser antecipadamente curado, mas ele tem uma fraqueza singular: a prevenção. Alguns fatores são chaves para possibilidade de ocorrência de câncer de mama – hormonais, ambientais, comportamentais, genéticos –, e a idade é um dos maiores fatores de risco. Cerca de quatro em cinco casos ocorrem com pessoas acima de 50 anos.

Mas a idade sênior não é sinônimo da doença. Esse indicativo só significa um importante ponto de alerta perante um público mais vulnerável, que necessita de mais atenção. Dentro desse contexto, a prevenção é algo fundamental para o combate ao câncer de mama.

O INCA elenca cinco medidas principais para prevenção ao câncer de mama. Atividades físicas regulares, alimentação saudável, moderação no consumo de bebidas alcoólicas, peso corporal adequado e amamentação são medidas importantes e essenciais para as mulheres.

Sinais e sintomas

Grande parte da prevenção passa pelo alerta de cada pessoa aos possíveis sintomas da doença. É importante atentar-se a nódulos ou caroços nas mamas ou à saída espontânea de líquido da auréola do seio. Em qualquer desconforto ou dúvida sobre o corpo, a procura por um profissional de saúde é o mais indicado.

No fim das contas, luzes e propagandas podem até ser legais, mas são essencialmente simbólicos. As informações  são importantes para salvar futuros. Outubro é mais que um mês rosa: são milhares de vidas.

Texto por Ronayre Nunes
Arte por Giulia Marcelino

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s