Qual fato é mais relevante? O bom ou o ruim?

em

A leitura de uma notícia raramente constitui apenas entender as informações apresentadas, uma vez que estas, dependendo do conteúdo, podem gerar diferentes reações no público leitor, como irritação, preocupação, alegria e alívio. Nesse contexto, de modo geral, os fatos reportados podem ser classificados como positivos ou negativos. Há quem afirme que as pautas jornalísticas estão cada vez mais repletas de desastres, violência e escândalos, deixando de lado as notícias positivas. Haverá, então, maior relevância nos fatos ruins do que nos bons?

Responder a tal questionamento não é uma tarefa simples. Diversas vezes, uma notícia negativa tem maior destaque do que uma positiva, mas isso não constitui uma regra, pois diversos fatores contribuem para que uma notícia seja relevante, indo além do aspecto bom ou ruim da matéria. Portanto, a importância de uma reportagem pode variar de acordo com o assunto, com a localização do ocorrido e com os leitores. Por exemplo: o sequestro de um parlamentar indiano não seria tão relevante para o público brasileiro quanto um resgate de pessoas soterradas em um deslizamento de terra no Rio de Janeiro. Neste caso, um fato negativo (o sequestro do parlamentar) poderia perder espaço em uma pauta para um positivo (o resgate dos soterrados).

É interessante notar que, dependendo do assunto, certo tipo de matéria possui maior importância. Um exemplo disso é que quando se fala em política, as notícias negativas costumam ser mais relevantes. Isso ocorre porque denúncias de corrupção ou de ineficiência por parte de governantes expõem ao público que há algo de errado com os supostos responsáveis por melhorar a vida da população. Noticiar a conclusão de um viaduto ou a aprovação de um projeto de lei de incentivo ao crescimento econômico pode ser gratificante, contudo, agir em prol do povo é o dever dos políticos, é de se esperar um trabalho bem feito por parte deles. Então, ao se fazer comparações entre os dois tipos de matéria, nesse contexto, nota-se maior importância em informar quando as coisas não vão como o esperado, pois isso motiva, a princípio, a tomada de atitudes que melhorem a situação.

Em contrapartida, no contexto das pesquisas científicas, notícias positivas são mais relevantes do que as negativas, de forma geral. Informar a invenção de um novo remédio para o tratamento da AIDS é mais importante do que noticiar uma falha na criação de algum outro medicamento. Isso ocorre porque falhas em pesquisas científicas tendem a não ser relevantes para o público, a menos que ocasionem graves acidentes biológicos ou químicos.

No que diz respeito às pautas jornalísticas, é correto afirmar que os jornais tendem a noticiar muitos fatos negativos, principalmente em tempos de crise. Há quem não se importe com tanta negatividade, enquanto outros se incomodam muito, a ponto de criar seus próprios sites apenas com notícias positivas. É o caso do portal “O Brasil Que Dá Certo”, do jornalista Sthephen Kanitz.

Não há como dizer, portanto, de forma definitiva se a matéria jornalística negativa tem sempre mais relevância do que a positiva, tendo em vista a forma como o contexto contribui imensamente para a importância de um fato. Notícias boas são agradáveis e gratificantes, enquanto as más permitem, muitas vezes, que se pense em maneiras de melhorar a situação. Ou seja, com bom discernimento e olhar crítico, pode-se ir além das simples informações apresentadas pelas notícias, sejam elas boas ou não.

Por Max Valarezo

Anúncios

1 comentário Adicione o seu

  1. Lustosa disse:

    Belo texto, além de tudo isso, ainda temos uma imprensa que noticia de acordo com os próprios interesses, mas acredito que daqui sairão profissionais interessados em ideiais melhores.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s